Loading...

Páginas

Eu, coruja...

Eu, coruja...
Observo o que ninguém vê.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

PORTAL VOLTADO PARA JOVENS ALERTA PARA VIOLÊNCIA CONTRA MULHERES

Portal voltado para jovens alerta para a violência contra as mulheres


Só este ano, Santa Catarina registrou mais de oito mil casos de violência doméstica

Nesta terça-feira foi dado mais um passo no combate à violência contra as mulheres. A plataforma jovem Violência Contra as Mulheres - Quebre o Ciclo, foi apresentado na manhã desta terça-feira, na Estação Pinacoteca, em São Paulo.

A plataforma conta com Redes sociais, enquetes, fóruns, biblioteca, quiz e podcastings, animações e vídeos com situações do dia-a-dia, tais como a violência contra as mulheres se apresenta.

Com o slogan Violência contra as Mulheres - Quebre o Ciclo, a plataforma jovem reúne sites que estimulam a conscientização da juventude, especialmente estudantes do ensino médio sobre violações dos direitos humanos das mulheres por meio de violência física, psicológica, sexual, patrimonial e moral. O objetivo é trazer novos públicos para a discussão sobre a violência contra as mulheres.

O projeto é uma iniciativa do Unifem Brasil e Cone Sul (Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher), com investimento do Instituto Avon e faz parte das campanhas mundiais Una-se pelo fim da violência contra as mulheres, convocada pelo Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, e Diga não - una-se pelo fim da violência contra as mulheres, liderada pela embaixadora do Unifem-ONU Mulheres, Nicole Kidman.



Em Santa Catarina

De acordo com dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa do Cidadão (SSP) — com base no número de boletins de ocorrência que registraram violência contra mulheres em Santa Catarina — este ano, até o dia 18 de novembro, houve 218 casos de estupro; 8408 de violência doméstica — Lie Maria da Penha — e 56 de homicídios passionais.

DIARIO.COM.BR

Nenhum comentário:

Postar um comentário